O acesso de veículos e pessoas ao Parque Ecológico da Raposa e ao Parque Municipal Jaboti será proibido neste sábado e domingo (26/06), entre as 9 e 18 horas. Frequentadores desavisados serão orientados pela Polícia Militar (PM) e pela Guarda Civil Municipal (GCM) a regressarem para suas casas.

A medida sanitária, de caráter preventivo à contaminação e à propagação do novo coronavírus (Covid-19), foi anunciada pelo prefeito Júnior da Femac nesta sexta-feira (26/06), durante reunião com agentes das forças de segurança, e segue recomendação dos técnicos da Secretaria Municipal de Saúde, tendo como base o crescente registro de casos positivos nos últimos dias. 

“Vivemos um momento muito sério. Não é hora de fazermos reuniões familiares, seja nos parques ou nas residências. Não é hora de aglomeração, é hora de ficaremos em casa e seguirmos todas as medidas necessárias para não haver contaminação”, disse o prefeito, frisando que um terço dos casos positivos registrados em Apucarana está concentrado em apenas 19 famílias. “Oito vidas já foram ceifadas por este inimigo invisível e devastador. Para essas famílias a pandemia nunca vai passar, será uma marca para sempre, por isso vou continuar tomando todas as medidas necessárias para que menos famílias possíveis passem por esta dor”, disse Júnior da Femac.

Júnior frisa que Apucarana começa a sentir as consequências da chegada do inverno e da abertura do comércio em São Paulo. “Com relação aos parques, nas últimas semanas realizamos barreiras sanitárias e levamos orientações, distribuímos máscaras, mas muitos ainda insistem em não respeitar. O fechamento para circulação de pessoas e veículos, neste e no próximo final de semana, é uma medida necessária neste estágio da pandemia, recomendada pelas autoridades em saúde em prol da vida dos 137 mil apucaranenses”, disse o prefeito. 

O controle no Parque Jaboti será feito pela Polícia Militar. Já a Guarda Civil Municipal vai atuar no Parque da Raposa. Os bloqueios contarão com apoio de agentes de trânsito do Instituto de Desenvolvimento, Pesquisa e Planejamento de Apucarana (Idepplan). Somente moradores de ruas que dão acesso aos parques terão permissão para passar. “Vivemos um momento de risco elevado no tocante ao novo coronavírus e os parques são comprovadamente locais com grande potencial de contaminação. Diante da medida tomada pelo prefeito, neste dois próximos finais de semana, a Polícia Militar estará atuando para orientar a população sobre a necessidade de deixarem de frequentar estes espaços para o bem da saúde de todos”, disse o tenente-coronel Roberto Francisco Cardoso, comandante do 10º Batalhão de Polícia Militar.

O comandante da GCM, Alessandro Carletti, espera contar com a compreensão da população. “Esta é uma medida que o prefeito não gostaria de ter tomado, mas se fez necessária, segue o que recomenda os técnicos em saúde e visa a preservação de vidas. Temos a certeza de que não teremos problemas e a população vai colaborar, ficando em casa nestes dois próximos finais de semana”, pontuou Carletti.

Cresce número de jovens contaminados por Covid-19 em Apucarana

O número de jovens contaminados com Covid-19 disparou nas últimas semanas em Apucarana. Dos 170 casos confirmados da doença no município até esta quinta-feira, 71 são de pessoas entre 20 e 39 anos de idade, segundo levantamento feito com base nos boletins da Autarquia Municipal de Saúde (AMS).

Em 28 de maio, eram 6 registros da doença na faixa etária de 20 a 29 anos. Nesta quinta-feira (25), o número saltou para 28, um aumento de 366%. Na faixa etária entre 30-39, eram 10 infectados em 28 de maio. Agora, são 43, uma alta de 330%. A faixa etária com maior aumento de casos no período foi a de pessoas entre 70-79 anos: de 1 para 7 (600%).

Segundo o prefeito Júnior da Femac, o aumento de casos de Covid-19 em Apucarana e na maioria dos municípios do Paraná tem relação com a chegada do inverno, a reabertura do comércio em São Paulo, reuniões familiares em parques e residências, e também por conta da resistência de muitas pessoas em utilizar a máscara.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui