Imagem: Pete Linforth/Pixabay

No Boletim Covid-19 de hoje, a SESA informou que o Paraná chegou a 1.271 confirmações da Covid-19 no Estado. 635 são mulheres e 636 homens.

77 pessoas vieram a óbito em função da doença. 54 homens e 23 mulheres morreram. A taxa de letalidade é de 6%. 

Dentre os casos confirmados, a faixa etária está em 46,3 anos. Já os óbitos tem a média de faixa etária em 68,1 anos.

154 (12,1%)pacientes seguem internados no Estado, destes 66 estão em leitos clínicos e 86 em U.T.Is.

Os municípios que registraram os maiores números de caso são:

  • Curitiba426 (365 recuperados e 17 óbitos)
  • Londrina100 (65 recuperados e 13 óbitos)
  • Cascavel75 (58 recuperados e 4 óbitos)
  • Maringá57 (31 recuperados e 5 óbitos)
  • Foz do Iguaçu40 (25 recuperados e 1 óbito)
  • Campo Mourão35 (14 recuperados e 4 óbitos)
  • Paranavaí24 (7 recuperados e 2 óbitos)
  • Pinhais21 (16 recuperados e 1 óbito)
  • São José dos Pinhais21 (15 recuperados)
  • Apucarana15 (11 recuperados e 2 óbitos)

CONFIRMAÇÃO POR CRITÉRIO CLÍNICO EPIDEMIOLÓGICO

A Sesa utiliza a partir desta terça-feira (28) o critério de confirmação clínico/epidemiológico. Para a confirmação nesse critério a pessoa deve ter tido contato próximo ou domiciliar com caso confirmado laboratorialmente para COVID-19 nos últimos sete dias antes do aparecimento dos sintomas.
Até hoje os diagnósticos eram realizados por meio de exames realizados laboratorialmente, método RT-PCR, e testes rápidos enviados pelo Ministério da Saúde.
Enquanto o método RT-PCR analisa se o organismo do paciente está com o vírus e por isso é realizado nos primeiros dias de sintomas, nos testes a verificação é para saber se a pessoa já teve a doença e o organismo produziu anticorpos. Esses testes rápidos utilizam amostras de sangue. A execução e a leitura da presença de anticorpos devem ser realizadas por profissionais da saúde. O resultado é verificado após 15 minutos.
Confira o boletim completo de hoje no link abaixo:
(Com informação da SESA)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui